[Entrevista] No Divã com Autor Pablo Madeira


Olá meus Clubenautas amados e queridos, tudo lindo para vocês?

Espero do fundo do coração que sim, hoje vim trazer duas coisas maravilhosas...

Uma entrevista e um convite!!

O Convite é para o lançamento do fofo do autor Pablo Madeira que apresentamos na semana passada e é nosso mais novo parceiro.


Eis o Convite, que é lindo por sinal!
Compareçam!!
No post de apresentação deixamos uma brechinha para que vocês deixassem sugestões de perguntas ao nosso querido parceiro e não foi minha surpresa de ver que vocês lotaram o post com uma bela entrevista, e por isso deixo o meu profundo obrigada pela participação, de verdade vocês são demais! 

Como prometi ao lado de cada pergunta está o nome de seu respectivo autor, nada mais justo e adorei mesmo ver a quantidade de gente colaborando para que esse post saísse tão lindo.

Pablo, meu muito obrigada pela disponibilidade e simpatia, desejamos do fundo dos nossos corações muito sucesso pra ti e pra Clér que esse seja apenas o começo de muitos livros lançados.
Sem mais vamos ao que interessa...
Let´s go para entrevista!!!

NO DIVÃ COM PABLO MADEIRA



 Primeiramente gostaria de agradecer a disponibilidade e sua simpatia e dizer que seus leitores foram o máximo com as perguntas, quase não sobrou trabalho para mim...hahahaaha

E boa sorte respondendo são muitas as perguntas.




 1 - Eu gostaria de saber em quais autores você se inspirou *-* ou seja, quais escritores o ajudaram a tomar a decisão de escrever e, posteriormente, publicar. E qual a parte/momento mais difícil enquanto escrevia este livro? - L. L. Alves

Olá L. L. Alves... Bom, os autores que me inspiraram a escrever foram Victor Hugo, Stephen King, J.K Rowling, Dan Brown, Bernard Schlink e Becca Fitzpatrick. Cada vez que li um livro desses autores, me senti mais fascinado pela escrita e inspirado também. Pra mim, a parte mais difícil para escrever Clér (ou qualquer outro livro rsrs) é o começo. O começo de história eu sempre acho mais complexo porque é onde vou apresentar os “cenários”, personagens e começar a desenvolver a história. Sempre acho essa parte complexa e cansativa.

2 - Qual foi a inspiração para escrever esse livro? Ele é baseado em pessoas reais? - Fernando Nery

Então, Fernando... A ideia de escrever surgiu em 2010 se não me falha a memória. Eu havia assistido uma reportagem na Tv onde um casal homossexual estava andando em um metrô em São Paulo, quando foram agredidos e um deles levou uma “lampadada” no rosto. Achei aquilo o cúmulo do absurdo e mexeu muito comigo. Não consegui dormir pensando naquele acontecimento. Foi aí que comecei a ter uma ideia para escrever um livro que abordasse esse tema, tão sério, que é a homofobia. Se o livro é baseado em pessoas reais? Não. Foi tudo criado na minha cabeça mesmo. Porém, acredito que histórias como essa do meu livro acontecem (de certa forma) com muita gente por aí.

3 - Você está sofrendo algum preconceito pelo fato de ter escrito um livro de temática gay? -Fernando Nery

Apesar do livro ter a temática gay, também abordo um pouco sobre “os estragos” que o alcoolismo pode causar em uma família. Mas respondendo a sua pergunta, não. Pelo menos AINDA não.

4 - O seu próximo livro será sobre o quê? - Fernando Nery

O meu próximo livro ainda está sendo escrito hehe A princípio também segue o estilo do primeiro (Romance/Drama/Ficção). O que eu posso dizer no momento é que é uma bela história sobre um adolescente que tem uma deficiência física e que tem o sonho de um dia se tornar escritor. Ele escreve o seu dia a dia em um diário. Pronto! Só isso que posso falar por hora rsrsrs

5 - Quanto tempo você demorou para concluir o livro, Desde elaboração de ideias até o final? – Anônimo
Eu escrevi o livro Clér no final de 2010 e mandei para diversas editoras que recusaram. Isso foi muito bom, porque, em termos, o livro não estava pronto. Acabei deixando ele na gaveta durante todos esses anos que se seguiram, até que, nesse ano de 2015, resolvi pegar o original e o reescrevi (alterei nomes, acontecimentos, etc). Mandei para a Editora Deuses e ele gostaram. Assinei contrato com a Editora em Junho desse ano.

6 - Qual a sensação de ter a sua primeira obra publicada? - Nayara

Sinceramente? A minha ficha ainda não caiu! Rsrs Mas acredito que na hora em que eu segurar o primeiro exemplar em minhas mãos, vou ser a pessoa mais feliz desse mundo. Tenho certeza disso.

7 - O quanto tem de experiências suas no livro ? Erika

Essa é uma pergunta um pouco complexa, mas tem um pouquinho de algumas coisas que já vivi, porém de maneira bastante distorcida e até cruel as vezes. Sempre existe algo que eu já vi, ouvi ou vivi que me inspirou em algo que escrevi em Clér. Mas nada diretamente ligado a minha vida. É apenas uma ficção para reflexão :D

8 - O que mais te perturba na arte de escrever ? - Roh Sever

Acho que é o medo das pessoas não gostarem da minha história. Sei que ninguém consegue agradar a todo mundo, mas tenho medo de não conseguirem tirar algum proveito do que eu escrevo para se levar pra vida. Não quero escrever só por escrever, quero que as pessoas se incomodem com algo e que reflitam sobre isso.

9 - Qual seu sonho profissional?? Tatiane Duraes

Oiii Tati :D  Acredito que, como a maioria dos escritores, o meu maior sonho é poder viver apenas dos livros. Da escrita. Sonho em um dia ser reconhecido e respeitado como um escritor e que as pessoas não pensem que isso é apenas “um hobby”.

10 - Qual o sentido dessas duas coisas pra você : Família e Amor? Tem mais de um significado? -Lucas França

Família para mim significa o mesmo que Amor. Impossível separar uma palavra da outra. Acho que poderia se chamar FAMOR *-*

11- Pra você, como a escrita pode mudar o mundo ao seu redor? Eduardo Abreu

Olá amor, você por aqui? rsrsrs... Gente, pra quem não sabe, esse é meu namorado usahushaushua Mas enfim, a escrita pode mudar o mundo de diversas formas. Acredito que cada livro escrito até hoje tenha uma mensagem, algo que podemos tirar para nossa vida. Eu, por exemplo, gosto de escrever para que as pessoas reflitam sobre o que eu escrevi. Mas, ah... Você já sabe disso  :P

12- Você recebe apoio por parte dos seus familiares e amigos tanto na profissão escritor quanto no tema tratado no livro? - Clube do Livro e Amigos

Se é para ser sincero, a resposta é não. Bom, mas vamos com calma, ok? Tenho muitos amigos e familiares que (é claro) estão muito felizes por mim e por essa conquista. Mas enquanto eu escrevia o livro, foram pouquíssimos que se preocuparam de verdade com esse sonho de me tornar escritor. Acho que muita gente não consegue ver isso como uma profissão/trabalho. No fundo, bem no fundo, eles não levaram muito a sério essa ideia, até porque foram poucos que me perguntaram do livro nesse tempo todo desde que tive a ideia em 2010. Mas não fico triste por isso, agora acho que eles entenderam que eu não desisti e que não foi tão impossível assim. Hoje sou um escritor.

13- Defina o ser humano Pablo em um parágrafo e o que ele quer que seus leitores sintam com a sua obra.  - Clube do Livro e Amigos

Bom, o Pablo não é perfeito. Já mentiu, magoou algumas pessoas, já errou muito! Mas amadureceu com o passar do tempo e criou uma personalidade do que é hoje. Sincero, autêntico, não força simpatia e se empenha o máximo que pode para alcançar os seus objetivos. O tempo passa e as pessoas amadurecem. Foi assim que aconteceu com ele. Em relação a sua obra, Pablo quer que os leitores sintam o máximo de emoção possível com o seu livro (mesmo não sendo uma história grande). Quer que as pessoas leiam com a mente aberta, que sintam amor, raiva e que soltem algumas gargalhadas. Que cada leitor tire algo de produtivo da sua história e que leve para a sua vida.

14-  Pablo você acha que falar sobre um tema polêmico pode ajudar a derrubar um pouco o preconceito?  - Clube do Livro e Amigos

Eu espero que sim! Certas pessoas precisam entender que algumas atitudes/palavras podem magoar o outro e que podem causar grandes danos se não mensurado. Eu, sinceramente, não acredito que uma pessoa preconceituosa irá ler o meu livro. Mas se muita gente ler e comentar sobre, eles vão ter que engolir. Tem gente que é preconceituosa “com certos pensamentos” que nem sabe que é. Às vezes, ao ler o meu livro, isso pode mudar um pouco.

15- Deixe um recado para seus leitores e futuros leitores.  - Clube do Livro e Amigos

Gostaria de agradecer a todos por dedicarem um pouquinho do seu tempo para mim. Sem os meus leitores e futuros leitores, essa história jamais teria sido escrita. Fico muito feliz quando alguém me pergunta sobre o livro ou quando me elogiam. Me dá mais vontade de querer continuar e é graças aos meus leitores que já estou escrevendo um segundo livro (que não é continuação do Clér). É imensurável tamanha gratidão que sinto por cada um. Obrigado por me fazerem querer continuar.

16 - Você concorda com a publicação da entrevista integral,? Em caso positivo se manifeste com eu concordo, aceito, ciente e etc...kkkk

EU CONCORDO HAHAHAHA Obrigado, Clube do Livro, por essa oportunidade.




FACEBOOK - INSTAGRAM - TWITTER - BLOG - YOUTUBE - SKOOB

Snapchat: pablo.madeira

E aí leitores o que acharam da entrevista?
Se gostaram não esqueçam de curtir, compartilhar e comentar!
Façam barulho, pois adoramos ouvir suas opiniões.
Beijos e até breve com mais novidades!!

6 comentários:

  1. Adorei a entrevista!!! Pablo vai ter muito sucesso. Certeza!!!
    Parabéns ao blog e ao autor!!!

    Beijos!
    Café com Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lena!! Obrigada pela visita, o Pablo é uma fofura de pessoa!!
      Adorei as respostas e as perguntas que fizeram para ele hahaha
      Quase nem tive trabalho :p
      Beijos!!

      Excluir
    2. Helena, sua linda.... Obrigado pelas palavras *-*

      Excluir
  2. Parabéns Pablo...Estou infinitamente feliz por estar vivendo este "seu" momento, ao seu lado. Te amo meu amigo!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Pablo, estou muito feliz por você e ansioso pelo lançamento. Chega logo 04/12/2015.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Pablo, estou muito feliz por você e ansioso pelo lançamento. Chega logo 04/12/2015.

    ResponderExcluir


Algumas regrinhas:

. Terminantemente proibido qualquer manifestação preconceituosa, racista, homofóbica e etc.. Respeito em primeiro lugar sempre.
. É claro que se você me seguir, eu vou lhe seguir, só dizer que seguiu no comentário e colocar seu link (não só segui me segue de volta, ok?)

Obrigada por comentar... a sua presença é muito importante para nós.

Volte sempre ^^

Clubenetes.